terça-feira, 21 de abril de 2009

A Evolução do Conhecimento



Resolvi postar esse texto apos uma aula em uma das faculdades em que leciono Geologia, onde fui questionado por uma acadêmica sobre o que aconteceria se eles tivessem se saído mal nas avaliações, eu respondi que tirariam nota baixa...ela nao satisfeita me perguntou qual seria minha ação apos as notas baixa...eu respondi que passaria e explicaria mais conteúdo, para fazermos uma nova avaliação... e finalmente ela perguntou: e o que fará para nos ajudar? eu respondi: vou procurar explicar melhor. Ela nao sentido-se satisfeita disse que eu nao ajudava em nada, que nao fazia um trabalho, que nao fazia provas de "marcar".


A partir dessa breve discussão expliquei para a turma que eu nao considero provas de multipla escolha (marcar x na resposta correta) uma avaliação interessante, pois no mercado de trabalho as coisas nao funcionam dessa maneira.


Nesta mesma noite conversei com uma ex-aluna, a qual disse que os colegas da turma me acham muito MAU, fiquei me perguntando o que é ser um professor BOM?


Eu prefiro ser um Bom professor, do que um Professor bom, explico, bom professor é aquele que consegue despertar em uma turma a vontade de aprender cada vez mais, enquanto o professor bom é aquele que não tem compromisso com o que faz, por isso distribui bondades.....


Segue o texto, de autor desconhecido, que me foi enviado pelo Geólogo Fabio Fernandes.


A Evolução


Um homem comprou um produto que custou R$ 1,58. Deu à balconista R$ 2,00 e pegou na bolsa 8 centavos, para evitar receber ainda mais moedas. A balconista pegou o dinheiro e ficou olhando para a máquina registradora, aparentemente sem saber o que fazer. Ele tentou explicar que ela tinha que dar 50 centavos de troco, mas ela não se convenceu e chamou o gerente para ajudá-la. Ficou com lágrimas nos olhos enquanto o gerente tentava explicar e ela aparentemente continuava sem entender.


Por que contar isso?


Porque nos damos conta da evolução do ensino de matemática desde 1950, que foi assim:


Ensino de matemática em 1950:

Um cortador de lenha vende um carro de lenha por R$ 100,00. O custo de produção desse carro de lenha é igual a 4/5 do preço de venda. Qual é o lucro?

Ensino de matemática em 1970:

Um cortador de lenha vende um carro de lenha por R$ 100,00. O custo de produção desse carro de lenha é igual a 4/5 do preço de venda ou R$ 80,00.
Qual é o lucro?

Ensino de matemática em 1980:

Um cortador de lenha vende um carro de lenha por R$ 100,00. O custo de produção desse carro de lenha é R$ 80,00. Qual é o lucro?

Ensino de matemática em 1990:

Um cortador de lenha vende um carro de lenha por R$ 100,00. O custo de produção desse carro de lenha é R$ 80,00. Escolha a resposta certa, que indica o lucro:


( )R$ 20,00 ( )R$40,00 ( )R$60,00 ( )R$80,00 ( )R$100,00


Ensino de matemática em 2000:
Um cortador de lenha vende um carro de lenha por R$ 100,00. O custo de produção desse carro de lenha é R$ 80,00. O lucro é de R$ 20,00. Está certo?

( )Sim ( )Não


Ensino de matemática em 2009:
Um cortador de lenha vende um carro de lenha por R$100,00. O custo de produção é R$ 80,00. Se você consegue ler coloque um X no R$ 20,00.

( )R$ 20,00 ( )R$40,00 ( )R$60,00 ( )R$80,00 ( )R$100,00


Se isso for bondade.....eu quero é continuar sendo MAU...

_____________________________________________________
Esse post foi escrito em 21/04/09, porem todo o semestre me deparo com alunos do tipo da que queria facilidades, sempre que isso acontece peço que leiam o texto acima.


Saudações Geológicas

Professor Elias Santos Junior
Manaus - Amazonas - Brasil

2 comentários:

geocrusoe disse...

conheço outra variante deste tipo de evolução ainda mais deprimente... qualquer forma é um retrato da triste realidade do ensino no ocidente

Elyson Fabricio disse...

Infelizmente sao essas atitudes, desse tipo de pessoa, que os educadores estao expostos! Continue fazendo esse trabalho maravilho que o Sr. faz professor! Otimo texto!
=D

WORKSHOP DE DESENVOLVIMENTO PESSOAL EM MANAUS - Prof. Elias Santos Junior

Em tempos de crise como a que estamos vivenciando nos últimos anos fica extremamente evidente que é necessário se reinventar, adquirir...